Informação para um mundo melhor! Idéias para o desenvolvimento sustentável!

Problemas Ambientais: causas, efeitos e soluções.

Recuperação Ambiental em Cubatão-SP / Pedagogia - Uniararas

-

Mais vídeos de Problemas Ambientais.

Las cajas nido, sirven como refugio y lugar de nidificación para las aves que habitan nuestros bosques, jardines y huertas. Son una necesidad para algunas especies de aves, que no encuentran huecos en viejos árboles, sobre todo en aquellas zonas que han sufrido incendios o de reciente revegetación.La construcción por parte de niños de este tipo de refugios,  ayuda a conocer los problemas de conservación que presentan nuestros bosques y nuestro medio ambiente en general,. Involucrándolos en la conservación e investigación de la naturaleza, mediante el uso de  las  aves como interlocutoras de los problemas de nuestro planeta, debido a su conocida fama de bioindicadoras.
Taller de cajas nido para aves - Birding Canarias
Trabalho de Aúdio Visual dos alunos da Escola Estadual Juquinha de Almeida, Sabará, dentro do projeto Memórias Emotivas da Ong AFFAS de General Carneiro.O trabalho e estudo dos alunos do prof. Arthur Sá Fortes sensibiliza as novas gerações de Sabará para uma maior consciência política e ambiental dos problemas de nossa cidade.Tema:  Degradação  X  PreservaçãoVideo oferecido pelo prof. Arthur Sá Fortes, programador visual, para conhecimento da população do trabalho positivo desses alunos para a cidade.
Memória Emotiva.flv
Da extração e produção até a venda, consumo e descarte, todos os produtos em nossa vida afetam comunidades em diversos países, a maior parte delas longe de nossos olhos.História das Coisas é um documentário de 20 minutos, direto, passo a passo, baseado nos subterrâneos de nossos padrões de consumo.História das Coisas revela as conexões entre diversos problemas ambientais e sociais, e é um alerta pela urgência em criarmos um mundo mais sustentável e justo.História das Coisas nos ensina muita coisa, nos faz rir, e pode mudar para sempre a forma como vemos os produtos que consumimos em nossas vidas
A HISTORIA DAS COISAS PARTE 1
A FTC (Faculdade de tecnologia e ciências) Salvador-Ba após a sua chopada de medicina decidiu cometer um crime ambiental com o resto de mata atlantica que possuimos ainda dentro da paralela, jogando todo o seu lixo dentro delas, inclusive nós da associação de moradores do condominio trobogy e aldeia das pedras estamos indignados com esse ato, pois essa reserva de mata atlantica que a FTC decidiu destruir com sua sujeira encontra-se cituada próximo aos condominios além de fazer parte da preservação ambiental dos mesmos.O mal é que a FTC continua impune, mais a sua sujeira ainda permanece lá.É assim que essa instituição pretende colaborar com o Meio Ambiente? Não ja basta toda a destruição que ela causou para ter que se encontrarcituada na paralela? Nem uma punição?
Chopada de Medicina continua trazendo problemas
Vídeo feito por alunos do Colégio Pedro II (2009) em que mostra alguns dos problemas ambientais da Rocinha. Realização: Mariana, Taís, Renan, Jeandson, Garis da Comlurb.
Problemas Ambientais da Rocinha
 
Essas imagens foram gravadas no dia 11de Fevereiro de 2010 pela ONG ECO & VIDA por um de seus integrantes, as quais mostram a degradação ambiental da nascente localizada em frente à a Rua Rio Tejipió e nos fundos das Ruas: Rio Capeberibe e Portugal, Bairro do Jardim Santo Antonio - II em Campo Limpo Paulista, SP. Fizemos esse trabalho de imagens, devido aos pedidos de reclamações de vários moradores do bairro, as quais mostram  abandono total (há mais de um ano) em que se encontra o local, devido o assoreamento do leito da nascente, como: o acúmulo de mato, lixo, detritos em geral e do lançamento de esgoto in-natura lançado dentro do leito da nascente devido ao estouro de rede de esgoto que passa dentro do terreno da prefeitura. Segundo vários moradores próximos à nascente, o medo e o pânico tomou conta do local, uma vez que está havendo a proliferação de insetos, cobras e roedores, os quais estão  adentrando às suas residências, pondo em risco a saúde de todos. Notamos  também que além de todos desses transtornos vividos pelos moradores, existem algumas ocupações irregulares, ou seja. edificações construídas na faixa dos 30 metros em cada lado da nascente e muita erosão provocadas pelas devido a falta de plantio de mata ciliar.   Os moradores do bairro, estão revoltados com o descaso do poder público municipal, e SABESP, pois os mesmos já fizeram vários abaixo-assinados e reclamações junto à esses órgãos, mas até a presente nenhuma providência foi tomada. Outra reclamação dos moradores, que por várias vezes foram feitas à Prefeitura, é o não cumprimento do projeto do loteamento do bairro, o qual consta na planta do loteamento e no contrato de compra e venda dos seus lotes como área de lazer as faixas marginais da referida nascente.Nós da ONG ECO & VIDA estamos solidários com os moradores do local, pois vemos que tanto a prefeitura como a SABESP estão descumpindo várias  leis das esferas:  municipal (Plano Diretor e Uso e Ocupação do Solo), estadual ( decreto 8468 - CETESB) e federal ( Lei  4771 do Código Florestal Brasileiro - CONAMA.). Entendemos que se houvesse por parte da Prefeitura Municipal, o cumprimento das leis ambientais,  um planejamento sócioambiental, como mapeamento de Áreas de Preservação Ambiental  (APP) e a  fiscalização das mesmas esses problemas não estariam acontecendo. A ONG estará fazendo notificações à prefeitura e SABESP, para que esses órgãos cumpram com essas leis citadas acima, para que providências sejam tomadas.
Crime Ambiental em nascente de Campo Limpo Paulista
Há uma grande diferença entre a população pobre e a de bom poder aquisitivo no que se refere à mortalidade infantil, às doenças infecciosas como tuberculose e cólera e a exposição à poluição aérea. Problemas psicossocias também estão relacionados com depressão, alcoolismo, uso de drogas ilícitas, suicídio, violência e homicídios. E mais frequente a população carente ser vítima de assaltos, estupros e assassinatos. A violência e vulnerabilidade dos pobres aumentam devido à crescente ausência de oportunidades de emprego. A pobreza, dessa forma, torna-se muito mais que a simples ausência de renda. A miséria urbana é o mais importante fator de risco ambiental de saúde, quando está associada com ausência de bens físicos, influência política e acesso a serviços sociais básicos. Mesmo com os progressos em moradia, em algumas cidades, desde 1990, há um crescimento contínuo do número de pessoas expostas a riscos urbanos. Os governos usualmente se esquecem que uma importante contribuição para diminuição da pobreza é a produção de obras de moradia e saneamento básico. (2003)
O Ciclo Vicioso da Pobreza
Parte 2http://www.youtube.com/watch?v=8FG97n...Acompanhar as mudançasNesta teleaula você vai ver como as sociedades humanas foram modificando suas relações com a natureza; o que é estrutura econômica e social; como as inovações influenciam a formação territorial e como o mercado mundial está relacionado com os problemas ambientais globais. Esse espaço geográfico está se transformando, e seu motor de transformação mais importante é sua estrutura sócio-econômica.Assista a outras teleaulas no videoblog do Novo Telecurso:http://novotelecurso.blogspot.com
Novo Telecurso - Ensino Médio - Geografia - Aula 18 (1 de 2)
Trabalho apresentado na disciplina de biologia, sobre os problemas ambientais no Bairro do limão.Karoline, Priscilla e Nataly
Trabalho de Biologia
Trabalho realizado para a cadeira de Ergonomia.

O Ruído como problemática, o Ambiente como solução . . .
2B2_2008_179.m4v
 
-
Boira Misterio - La Sexta Extinción - A Sexta Extinção 1
Encuentro de lanzamiento oficial de la Plataforma Campesina e Indígena Norte Norte. Esta plataforma productiva-ambiental fue establecida el pasado 18 de octubre del año en curso, en San Rafael de Guatuso, con la presencia de 42 organizaciones de base de Los Chiles, Upala y Guatuso, luego de un proceso de encuentros y reuniones de un año de trabajo.La aspiración de la Plataforma es contribuir a generar adecuadas y crecientes condiciones de desarrollo sustentable en favor de la familia campesina e indígena de este territorio, que comprende los cantones de Guatuso, Upala y Los Chiles. En tal perspectiva, nuestra apuesta es a un proceso de co-responsabilidad entre el Gobierno,  Los Gobierno Locales, las organizaciones campesinas, sector privado, cooperación internacional y otros sectores interesados  de la zona y fuera de ella, para abordar y resolver los agudos problemas de nuestro sector.
Encuentro Plataforma Campesina e Indígena Norte - Norte (Parte 3 Final)
Hoje o Rio de Janeiro para com o objetivo de manifestar contra a nova distribuição dos royalties do petróleo, que dividirá de forma igualitária o dinheiro entre estados e municípios produtores e não produtores. ***A medida, se aprovada, afetará também  e muito  o Espírito Santo, mas parece que a população aqui está assistindo passivamente à novela, esperando pelo seu desfecho. A manifestação carioca será gigantesca e ganhará o mundo.***Estou vendo o Rio se posicionar de forma muito clara em relação à lei, e aqui parece que o problema não é com a gente. A extração do petróleo gera impactos negativos, ambientais e sociais, e a vantagem está justamente na verba que deve ser reinvestida em melhorias. Estão querendo tirar o lado bom e deixar o Espírito Santo só com os problemas, argumentou o comerciante Juliano Lucas da Silva, de 34 anos, que decidiu se vestir de palhaço e ir para o meio da rua protestar.***Percebemos uma extrema necessidade de novas lideranças. E o povo tem que sair às ruas e exigir seus direitos. É o grito de dois capixabas  o Juliano e MP, o da coluna. Melhor do que nada...
Protesto da Coluna Maurício Prates contra a Emenda Ibsen.
A entrada de agua das vias e imoveis na rede de esgoto é um dos mais importantes problemas ambientais de Londrina e das cidades
AGUA NO ESGOTO
O período em que as queimadas são mais comuns - chegou! E com ele um outro problema ambiental: a migração de animais silvestres como cobras e tamanduás, para áreas urbanas. Os bichos tentam fugir do fogo e acabam indo parar dentro das casas das pessoas. Veja mais: www.msrecord.com.br
MS Record 2ª Edição - Com queimadas, animais silvestres "correm" para áreas ...
 
Sur Tenerife 25 de Mayo de 2009El secretario de Estado para la Unión Europea, Diego López Garrido, en su visita por el Sur aseguró, en el marco de la campaña para las elecciones europeas, que Canarias es la gran avanzadilla en la UE.El Partido Socialista ratificó su posición por la construcción del Puerto de Granadilla a través de su secretario de Estado para la Unión Europea, Diego López Garrido, quien afirmó que es mayoría siempre exigiendo la legalidad ambiental. El socialista afirmó que el Gobierno de Canarias ha convertido esta infraestructura en un problema, pero si se cumplen las normas europeas se debe construir.Garrido visitó el sábado el Sur de Tenerife recorriendo varios municipios como Granadilla, Arona, Adeje y Guía de Isora buscando el voto para Juan Fernando López Aguilar en las elecciones europeas el próximo 7 de Junio. Para Europa, dijo, estas elecciones son decisivas y relevantes y habrá que elegir a un parlamentario fuerte que ayude a sacar adelante a todos los europeos en esta época de  crisis. Refiriéndose a Canarias, como región ultraperiférica, indicó que es la más alejada de Europa y por eso es la gran avanzadilla , la vanguardia de la UE en el mundo, por eso hay que tratarla bien.En cuanto a la agricultura y los problemas en el sector del tomate y el plátano, López Garrido cree que las plantaciones y producciones de estos productos han estado muy bien defendidas en Europa. Aseguró además que el Psoe luchará por las ayudas directas y la defensa comercial. Explicó que se negocia en la ronda de Doja la baja de los aranceles del plátano pero todavía no se ha llegado a un acuerdo. Lo que se pretende es que se produzca una rebaja sucesiva en la barrera impositiva de entrada de la banana exterior en varios años hasta llegar a los 90 euros. Ahora mismo está en 190 euros. Diego López Garrido tuvo varios anfitriones durante el sábado. Primero fue recibido por el portavoz socialista granadillero, Jaime González Cejas y otros militantes del partido. Tras una rueda de prensa se dirigió al Hotel Marylanza en Los Cristianos donde le esperaban los socialistas de Arona, el diputado, Carlos Segura, el director de extranjería, Agustín Herrera, asociaciones de inmigrantes y vecinos.El secretario de Estado, en su paso por Adeje explicó la importancia de estas elecciones europeas y el valor añadido que tiene Canarias para Europa, al ser su vinculación y extensión hacia África y América. Asimismo, realizó un detallado repaso a todos los beneficios económicos que ha alcanzado Canarias gracias a Europa así como los fondos que tiene la Comunidad Autónoma asegurados hasta 2013 y que ascienden a más de 1.500 millones de Euros.López Garrido indicó también que las campañas electorales son un pretexto para enorgullecernos de lo que somos, que es el resultado de todos estos años. Es una paradoja que a medida de que Europa ha ido aumentado su peso, la participación de los ciudadanos ha ido descendiendo. Hoy es un derecho al que no debemos renunciar porque nos jugamos mucho. De estas elecciones va a salir un Parlamento con poderes, por él pasará todo y tenemos muchas decisiones importantes que tomar en temas como la economía, la inmigración o el cambio climático; de ahí la importancia de tener un Parlamento progresista, porque estamos en el momento más crítico.En el encuentro también estuvo presente el Secretario Local del PSOE en Adeje, y actual alcalde del municipio, José Miguel Rodríguez Fraga, quien remarcó que la crisis que estamos viviendo pone en evidencia la importancia que tiene hoy la globalidad y desde luego nuestra presencia y nuestro compromiso con Europa. Para los adejeros no es difícil asumir este hecho ya que vivimos en un municipio con 113 nacionalidades. Somos un microcosmos de lo que es la globalidad hoy en el mundo; con una cultura abierta, con una multiculturalidad muy importante en la que los socialistas hemos desarrollado y estamos desarrollando un compromiso activo, un proyecto en profundidad.López Garrido abogó por el voto socialista especialmente teniendo en cuenta que España ocupará la presidencia de la UE en 2010 y somos quienes vamos a defender los derechos de los españoles con más contundencia, teniendo en cuenta que en España también gobernamos. El Secretario de Estado recordó como con Aznar la presidencia de España en la UE sólo sirvió para dividir a Europa en dos con la maldita guerra de Irak e insistió en que al PP Europa no les interesa.
Diego López Garrido en el sur de Tenerife por las elecciones europeas
No Século 20, o desenvolvimento econômico e social assentou-se no uso crescente de combustíveis fósseis e não-renováveis - derivados de petróleo, carvão mineral e gás natural.O Que éA avaliação dos impactos desse progresso no meio ambiente ficou restrita, muitas vezes, a estudos e pesquisas, sem que as conclusões fomentassem ações práticas para minimizar o problema. Com os sinais cada vez mais evidentes do aquecimento global - alteração da temperatura média do planeta, aceleração do derretimento das geleiras, tempestades, enchentes e secas mais violentas e arrasadoras - é necessária a imediata mobilização de todos - indivíduos, comunidades, nações, governos, entidades e empresas, inclusive do setor de transporte - para minimizar e reverter as graves mudanças climáticas em curso. Diante desse quadro, a Confederação Nacional do Transporte - CNT lançou em 2007 o Programa Ambiental do Transporte - DESPOLUIR, cujo objetivo é promover o engajamento de empresários, caminhoneiros autônomos, taxistas, trabalhadores em transporte e da sociedade na construção de um desenvolvimento verdadeiramente sustentável. Diante do total apoio do setor e da sociedade, o Programa Ambiental do Transporte irá, certamente, superar as expectativas mais otimistas.Fonte: http://www.cntdespoluir.org.br/Lists/...
Ónibus: Amigo do Meio Ambiente ? Programa Despoluir CNT - Confederação Nacional do Transporte
Melhor Ambiente, cidades saudáveis com Macário Correia, reunião de preparação simulação da assembleia, O Processo de Bolonha: sim ou não? problema ou solução?, Jantar-Conferência Paula Teixeira da Cruz sobre reforma do sistema judicial
Dia 5 UNIVERSIDADE DE VERÃO 2009 JSD/PSD
Desperdício  de água tratada pela SABESP  na caixa dágua do Bairro do Jardim Santo Antonio - II na Cidade de Campo Limpo Paulista, São Paulo. Segundo moradores do bairro, esse desperdício ocorre  quase que diariamente, há mais de 14 anos, chegando a uma vazão aproximada de 5m³/s  principalmente no horário notuno, período em que o consumo diminui.Desde 2007 venho reclamando junto à gerência da SABESP através de requerimentos e denúncias aos meios de comunicação como jornais e TVS da região, mas infelizmente até hoje o problema continua sem solução. Esse problema é revoltante, porque além de prejudicar o meio ambiente, devido o aumento no consumo de energia elétrica e produtos químicos, também aumenta o valor cobrado dos consumidores através do aumento do custo no tratamento. Nós moradores de Campo Limpo pedimos responsabilidade ambiental dos responsáveis da SABESP e  que os nossos direitos sejam respeitados. Esse ano  foram investidos $ 9.800.000,00 com a ampliação e modernização da E.T.A de Campo Limpo Paulista, mas o desperdício continua.............ARTIGO 225 DA CONSTITUIÇÃO FEDERAL, DIZ QUE A PROTEÇÃO AMBIENTAL É DEVER E DIREITO DE TODOS,
P9220007 DESPERDÍCIO DE ÁGUA TRATADA PELA "SABESP" DE CAMPO LIMPO PAULISTA
Cuento Infantil (Refexión) sobre el problema de la basura. Cuento realizado por la Red Escolar (Sinaloa)
Rescate, Planetas en Peligro
 
A Válvula de Descarga Ecológica é um produto desenvolvido para sanar os problemas que as atuais caixas de descarga apresentam com o desperdício de água e a geração de um grande volume de esgoto. A Válvula de Descarga Ecológica é um produto que alem de apresentar um baixo custo de produção apresenta grandes benefícios Ambientais, Sociais e Econômicos, pois tem condições de proporcionar uma economia de aproximadamente 60% (sessenta por cento) do volume de água utilizado atualmente nas caixas de descarga, uma economia próxima dos 20 litros de água por pessoa/dia, proporcionando uma redução do volume de esgoto na mesma proporção.A caixa de descarga com a Válvula de Descarga Ecológica tem seu apelo estético externo como as demais caixas já comercializadas no mercado, isto é, apresentando apenas um sistema de acionamento externo (cordinha, botão...), sendo que a caixa com a Válvula de Descarga Ecológica proporciona um acionamento preciso do volume de água necessário para a eliminação de diferentes dejetos através de dois estágios de acionamento.Hoje em dia as caixas comercializadas no mercado, quando acionada a descarga, liberam o volume integral da água da caixa, sem que se leve em conta o dejeto a ser eliminado, diferente disto, com a Válvula de Descarga Ecológica é possível fazer o acionamento preciso do volume de água para a eliminação de diferentes dejetos, pois tal válvula possui dois estágios de acionamento, através de apenas um sistema de acionamento externo (cordinha, botão...).Maiores detalhes: www//descargaecologica.blogspot.com/
Válvula de Descarga Ecológica
UNA PEQUEÑA INFORMACION QUE DESEABA COMPARTIR ..........( estudiante de primer ciclo de la carrera de ING. Ambiental   UAP
DOE RUN (un problema que tiende a crecer) ..... ...
Os prroblemas ambientais estão crescendo e isso preocupa não somente os ambientalistas, como também o mudo todo, por isso devemos nos conscientizar de que é sempre bom estar cuidando de nosso planeta.
problemas ambientais (auxilium)
Este vídeo ilustra o que estamos fazendo com as plantas, com os outros animais, com o Homem e com Gaia, e mostra porque estamos precisando refletir coletivamente sobre Saúde Ambiental. (Rui iwersen)http://gaianet.wordpress.comAquecimento Global: se nós desistirmos, eles desistemarticle source: http://www.quercustv.orgCriada pela agência McCann Erickson Portugal e produzida pela Seagulls Fly São Paulo, esta campanha lançada pela Quercus pretende alertar as consciências para o problema do aquecimento global e como ele atinge todos os seres vivos que habitam o nosso planeta. Agora com duas versões.Versão original (som Indigo)Versão alternativa com o tema de Peter Gabriel Dont give upAgência: McCannAnunciante: QuercusDirectores Criativos: Diogo Anahory / José Carlos BomtempoRedactor: Diogo AnahoryDirector de Arte: José Carlos BomtempoTv Producer: Nuno CaladoProdutora: Seagulls Fly São Paulo http://www.quercus.pt/
Aquecimento Global
Repórter fala exclusivamente ao TEMMAIS.COM sobre a reportagem 24/10/2009 (atualizado às 16:50) Da redação / Rodrigo Mansil  Cada vez mais animais silvestres procuram refúgio nas cidades. Fogem em busca de proteção e alimento, mas acabam se machucando. Na região de Rio Preto, eles recebem tratamento especializado e muitas vezes conseguem retornar à natureza.É cada dia maior o número de animais silvestres que são encontrados nas cidades. Essa invasão das cidades por animais silvestres não é exclusividade da nossa região e nem do Brasil. No mundo todo o fenômeno vem sendo observado. Ciência e governos tentam encontrar explicações e soluções.Enquanto isso, algumas causas estão sendo apontadas para esse problema, entre eles, as queimadas, a degradação da natureza e o desrespeito ao meio ambiente.A ação inconseqüente do homem ameaça a natureza. Animais capturados perdem a liberdade e são vendidos como mercadorias e perdem o espaço onde vivem e precisam se refugiar nas cidades em busca de proteção e alimento.Um convidado inesperado, um tamanduá invadiu uma festa em Rio Preto. Moradores registraram o momento em que o bicho passeia tranqüilamente até a chegada do Corpo de Bombeiros.Segundo especialistas, o desequilíbrio ambiental provoca mudança de comportamento nos animais que tentam fugir do perigo. Quando eles são socorridos já é tarde demais: muitas vezes, permanecem com seqüelas pelo resto da vida.Entre 2007 e 2008 houve aumento de 63% no número de atendimentos neste hospital veterinário na região noroeste do Estado. A coruja foi atropelada, fraturou a asa e ficou com a visão comprometida. O jaboti vai ter que se movimentar com a ajuda de rodinhas, até recuperar os movimentos das patas.O filhote passa o tempo todo agarrado nas costas da mãe que ainda está amamentando. Os dois não podem mais voltar à natureza, vão ser encaminhados para um parque ecológico. A tamanduá fugiu de um incêndio na mata e perdeu as garras, usadas para se defender.Mudança que ajuda a preservar espécies. Antes Valtair caçava pássaros, agora constrói casinhas para canários, um lugar onde as aves encontram comida farta e segurança; Nas gaiolas abertas o casal de canários-da-terra se alimenta com liberdade. O sanhaço azul come banana no tratador. A cuidadosa mamãe pica-pau garante a refeição do filhote protegido dentro da embaúba.
Rodrigo Mansil - Animais Silvestres
 

Categorias