Informação para um mundo melhor! Idéias para o desenvolvimento sustentável!

Problemas Ambientais: causas, efeitos e soluções.

Gatos que deixam marca de urina em casa

Há muitos donos de gatos que aparecem com a queixa de encontrarem marcas de urina em vários locais da casa. Nestas situações, e em primeiro lugar, há que definir muito bem se se trata de uma verdadeira marcação ou de outro comportamento associado a aversão ao caixote ou à areia, a problemas orgânicos como cistites, a stress ambiental, etc. Estes problemas comportamentais têm causas muito distintas e, assim, tratamentos diferentes.Tratando-se de uma marcação territorial, a quantidade de urina é menor e em superfícies verticais, sendo que este problema surge principalmente em machos não castrados, e a resolução do problema passa de facto pela castração do animal. Nas restantes situações a castração, por si só, não resolve o problema e, nesses casos, existem dois dos aspectos fundamentais da terapêutica comportamental que devem ser realizados: a criação de uma zona segura e de um enriquecimento ambienta.- A zona segura é um local onde o animal se pode esconder, de onde nunca é retirado nem manipulado, perto dessa zona deve existir comida, água, e uma caixa de areia, e deve ser colocado um difusor de feromonas faciais, que actua como apaziguar e redutor do stress.- O enriquecimento ambiental consiste em tornar o ambiental o mais semelhante possível ao ambiente natural dos felinos. Para isso deve ser feita uma estimulação ambiental através de plataformas, onde o gato pode explorar o espaço, deve ser feita uma estimulação olfactiva, visual e através de objectos pendurados, brinquedos escondidos onde possam ser colocados pedacinhos de comida ou que contenham cat-nip (erva gateira), brinquedos com movimento e som. É de salientar que o enriquecimento ambiental deve ser proporcionado a qualquer gato que viva num apartamento.Dúvidas, Achados, Adopções e muito mais você encontra no Portal Bichos & Bichos. www.bichosebichos.comPet Shop, petshop lisboa, petshop Portugal, ração animal, ração cão, gato, peixes, pássaro, roedores, petshop online.

Mais vídeos de Problemas Ambientais.

Video sobre la Problematica Ambiental que causa la basura y las respuestas de la gente hacia este problema. Al principio este video fue solo un proyecto escolar que hice con mis compañeros de curso, pero por ahi recibi buenas criticas y me pidieron que lo suba. Pa los que vean estoy por favor consideren que es la primera ves que hago algo de esto. Al principio nisiquera sabia tocar el windows movie maker asi que para mi es un buen comienzo................................Por favor dejen sus comentarios y gracias por esos hermosos y considerables comentarios!!
Problematica Ambiental
Fue entre los Abogados Espinosa Viale y Sidoli, durante el encuentro del viernes (05/06/09) en la Legislatura porteña, del que participó IPODAGUA.COM.AR. Marcadas diferencias sobre los estudios científicos y la legislación vigente. Ver nota completa Aqui: http://www.ipodagua.com.ar/spip/spip.... y Otra: http://www.ipodagua.com.ar/spip/spip....
IPODAGUA: CONTAMINACION INVISIBLE - DURO CRUCE ENTRE ABOGADOS AMBIENTALISTAS
La Cienaga de las Tortugas está ubicada en el municipio de Buena Vista en el Departamento de Caldas, en la actualidad quieren secar este lugar con el fin de aumentar la Ganadería Exteniva de la Región. Nosotros no queremos que esto ocurra ya que este lugar es habitat de Chiguiros, babillas, aves y una serie de fauna y flora que al ser extinguida crea un gran problema ambiental en esta región y por supuesto contribuiremos con esto al cambio climático que afronta el planeta.
cienaga las tortugas
www.sospraiadofuturo.blogspot.com - Caros amigos agentes de Turismo nesse vídeo mostramos o descaso a qual esta acontecendo na praia do futuro - CE com relação a poluíção da mesma, peço que nos ajudem a influenciar o poder público a tomar as medidas necessarias para solucionar essa calamida que afeta todo turismo cearense por consequencia a economia, causando assim problemas sociais e ambientais gravissimos !
SOS PRAIA DO FUTURO - RECADO A ABAV E AOS AGENTES DE TURISMO !
cuando asistí a leer esta ponencia al primer foro nacional de ecología, en 1983...  me imaginé que comenzaba una nueva era para México. Que el fracazo de aquella primera campaña apagada por hacer planes de escritorio  en lugar de trabajo en campo...  era suficiente para convencer a autoridades y ciudadanos.  el siguiente capítulo denominado 30 años después...  nos hara reir, o nos hará llorar.  lo que sí creo y esta es mi propuesta: !ES QUE NOS HARÁ ACTUAR!.  gemadeuruapan.
SOLUCIONES II... Y SU DESENLACE QUE NO DEBE REPETIRSE
 
Ensayar alternativas energéticas para sustituir la leña es la prioridad número 1 del Municipio de La Paz Centro, la ultima buena experiencia en ese tema ha sido con la Cuenta Reto del Milenio (CRM), estaban ensayando, junto con campesinos y artesanos de La Paz Centro, la producción de artesanía, ladrillos y tejas de barro, pero usando materia vegetal para sus hornos, en vez de leña. La Paz Centro se encuentra a 54 kilómetros de Managua y a 32 de León.En el Proyecto Biomasa, de la Universidad Nacional de Ingeniería (UNI), y el organismo Proleña, los que hicieron una alianza con el propósito de sustituir el uso de leña en las actividades artesanales del municipio de La Paz Centro con el aprovechamiento de los residuos agrícolas.En La Paz Centro hay alrededor de 60 planteles de ladrillos y tejas, y 30 talleres de artesanía.En ese sentido en conjunto es necesario financiar para empezar a realizar una serie de experimentos, determinar el potencial calórico de los residuos agrícolas en comparación con la leña y el costo que significa la transformación de los hornos de confección de ladrillos para quemar materia vegetal producto de las cosechas.En este esfuerzo, ya han ensayado con cascarilla de maní, de café, de arroz y de jícaro.Los artesanos no cuentan con la tecnología adecuada para conservar y potenciar el calor en los hornos utilizados en la cocción, por lo que requieren de grandes cantidades de leña, con lo cual deterioran cada vez el medio ambiente.Otra opción que tienen los artesanos es sembrar árboles y en seis años aproximadamente garantizar la madera, refirió Francisco René Dolmus Morales, propietario de la fábrica de tejas y ladrillos San Carlos, la cual consume ocho carretas de leña por semana.La CRM además del apoyo en las alternativas energéticas también ha incluido a productores de La Paz Centro en el proyecto de desarrollo forestal de Occidente.Una solución al problema energético para los artesanos de La Paz Centro,  se da en la ciudad El Tejar en Guatemala, y en la ladrillería La Castellana, en donde hasta hace poco horneaban 70 u 80 mil ladrillos con la leña que en La Paz Centro utilizan para hornear 10 ó 20 mil ladrillos de 2X10. Creo que las juntas que están interesadas en la protección de los bosques en La Paz Centro, deberían enviar una comisión a Guatemala, país que por medio de su embajador ,
PAZ CENTRO ARTESANOS IMPACTO AMBIENTAL manfut
SALVADOR &  ILHA DE ITAPARICA.http://www.travessiasonline.com.br/Terminal marítimo Salvador: São Joaquim.Terminal marítimo Ilha de Itaparica: Bom Despachohttp://www.travessiasonline.com.br/**************************************Em língua tupi, a expressão itaparica significa cerca de pedra. A ilha foi descoberta em 1º de novembro de 1501 por Américo Vespúcio, juntamente com a Baía de Todos os Santos.Itaparica foi palco também de importante batalha durante as lutas de Independência da Bahia, entre 1821 e 1823.Foi em Itaparica que se assentou a primeira máquina a vapor em terras brasileiras, no engenho de Ingá-Açu.A ilha foi emancipada de Salvador em 8 de Agosto de 1833 e elevada a cidade em 30 de julho de 1962. Posteriormente o município foi desmembrado em dois: o de Itaparica e o de Vera Cruz.Itaparica é uma das mais belas ilhas do litoral Brasileiro. Sua costa, em grande extensão, é cercada por recifes de corais, denominados Recifes das Pinaúnas, que se prolonga de Bom Despacho até a Ponta de Aratuba. Foi constituída, através do decreto lei 467 de 20 de outubro de 1997, a Área de Preservação Ambiental (APA) de Área de Preservação Ambiental Pinaúnas. A Ilha de Itaparica fica a 45 minutos de Salvador pelo sistema de transporte Ferry Boat, ou pelo sistema de transporte marítimo de Mar Grande; e está ligada ao continente, no extremo sudeste (Estreito do Funil), pela ponte João das Botas via BA-001.A cidade de Itaparica é a única estância hidromineral à beira mar das Américas, possuindo uma água com características medicinais inigualáveis e únicas em palatabilidade. Ela é carbonatada e sulfatada com boa dose de ácido carbônico, teor de radiatividade na fonte a 20 graus centígrados de 0.82 maches. Tem excepcional poder digestivo e diurético sendo recomendada especialmente para pacientes com problemas no fígado e baço.Além da importância histórica e singularidade geográfica, a Ilha de Itaparica possui um conjunto histórico e arquitetônico dos mais aprazíveis, praias de águas mornas, folclore diversificado, artesanato próprio e culinária das mais apreciadas em todo o Brasil.Os registros históricos sobre a ilha são riquíssimos, destacando-se a vinda, em 1510, do navegador português Diogo Álvaro Correia, o Caramuru que, enamorado da princesa tupinambá Paraguaçu, filha do cacique Taparica, desposou-a, fundamentando, a partir desta união, a junção das raças européia e indígena, formando então a primeira família genuinamente brasileira.A ilha de Itaparica está localizada a 13 km (via Ferry-boat) de Salvador e é a maior das 56 ilhas da Baía de Todos os Santos.Entre Itaparica, sede do município e Cacha Pregos, pontos extremos da costa da ilha, existem praias belíssimas com ótimas condições para banho e segurança. Uma linha de recifes lhe serve de quebra mar, diminuindo a força das ondas e formando um viveiro natural de polvos, lagostas e outros mariscos. A maioria destas praias tem águas rasas, mansas e mornas.A ilha dispõe e oferecem serviços de qualidade em todos os níveis  restaurantes com deliciosos frutos do mar, passeios de barco, pára-quedismo e uma infinidade de opções de entretenimentos.
TRAVESSIA FERRY BOAT (IVETE SANGALO) 01
isso tah prejudicando o nosso pais e o mundo...
Problemas Ambientais (trabalho
História das Coisas de Annie Leonard é um documentário, direto, passo a passo, baseado nos subterrâneos de nossos padrões de consumo.Revela as conexões entre diversos problemas ambientais e sociais, e é um alerta pela urgência em criarmos um mundo mais sustentável e justo.
História das Coisas - parte 1 (Dublado)
-
Q'Orianka viaja a Amazonía Peruana contaminada por PLUSPETROL y OXY (subt - ...
 
Un poco de información para entender el problema ambiental por el que estamos traspasando y par de ideas de lo que uno puede hacer como persona para mejorar el ambiente.
EDPE 3129 Cuida la Tierra, es tu Hogar
TEXTO BÁSICO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA PRIMEIRO E SEGUNDO GRAUSA Educação é a base para o desenvolvimento de um país, pois através dela as pessoas têm subsídios para exigir seus direitos e cumprir os seus deveres, ou seja, as pessoas têm condições de desempenhar o seu papel de cidadão. É a participação cidadã que surge como mola-mestra na solução dos problemas ambientais e na proposta de conviver em sociedade e com a natureza. E a participação pode se dar nos mais diversos níveis: no caso da participação em relação à resolução dos problemas ambientais, ela é a principal das profundas transformações que estão ocorrendo para assegurar a convivência democrática, sustentável e harmônica dos seres humanos entre si e com o ambiente.Nesse processo, a Educação Ambiental entra não somente como uma passagem de informações - como ocorre geralmente com a Educação Tradicional - mas também na aplicação dessas informações como forma de mudança de comportamentos e atitudes em relação aos problemas ambientais. E quem já aprendeu - o Educador Ambiental - pode partilhar com quem apenas inicia esta jornada - os alunos - que serão transmissores desses conhecimentos aos seus pais, vizinhos, amigos, enfim, como se fosse através de uma corrente, pois, ao contrário do que Paulo Freire decidiu chamar de Educação Bancária, caracterizada pelo acúmulo de informações pré-fabricadas sem conexão com o potencial de evocação existente em qualquer aprendizagem, a Educação Ambiental se baseia na premissa de que é na reflexão sobre a ação individual e coletiva em relação ao meio ambiente que se dá o processo de aprendizagem. Ou seja, ela vem da emergência de uma percepção renovada de mundo chamada de holística. Em outras palavras, é uma forma íntegra de ler a realidade e atuar sobre ela através de uma visão de mundo como um todo, não podendo ser reduzida só a um departamento, uma disciplina ou programa específico. Daí a necessidade de ligar ações multi e interdisciplinares à Educação Ambiental - contando com a ajuda de profissionais ligados à área da Educação como também a Biologia, Artes, Ecologia, Geografia, História, Matemática, Português, enfim, todos aqueles que trabalham como professores das disciplinas básicas nas escolas de primeiro e segundo graus, sendo disseminadores desses conhecimentos que serão inseridos na vida cotidiana de todos os indivíduos.A Educação Ambiental é uma proposta de filosofia de vida que resgata valores éticos, estéticos, democráticos e humanistas. Ela parte de um princípio de respeito pela diversidade natural e cultural, que inclui a especificidade de classe, etnia e gênero, defendendo, também, a descentralização em todos os níveis e a distribuição social do poder, como o acesso à informação e ao conhecimento. A Educação Ambiental visa modificar as relações entre a sociedade e a Natureza, a fim de melhorar a qualidade de vida, propondo a transformação do sistema produtivo e do consumismo em uma sociedade baseada na solidariedade, afetividade e cooperação, ou seja, visando a justa distribuição de seus recursos entre todos.Para viver nosso cotidiano de maneira mais coerente com os ideais de uma sociedade sustentável e democrática, é necessária uma educação que repense velhas fórmulas de vida, propondo ações concretas para transformar nossa casa, rua, bairro, enfim, comunidades, sejam elas no campo ou na cidade, na fábrica, na escola ou no escritório.Texto: Biólogo João Luís de Abreu Vieira
TEXTO BÁSICO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA PRIMEIRO E SEGUNDO GRAUS
Video explicativo del proyecto interdisciplinario impulsado por la CET (coordinadora escolar tecnológica) Estefanía Z. (Estefi) en coordinación con las demás áreas de la escuela trabajado durante el 2009, presentado en el acto de fin de año de Intec en representación del distrito 4º de la ciudad de Buenos Aires.  Cada grado de la escuela ha investigado en grupos un problema distinto del mundo y ha creado una producción a modo de solución .
Un mundo nuevo
A relação cultural entre o homem e a natureza molda o entendimento dado para apreservação e a exploração do território. A necessidade de valorizar a diversidade ambiental éuma constatação universal neste século. Para efetivamente construir práticas ambientaispermanentes é necessário que a Universidade trabalhe junto a população que ocupa oterritório próximo às áreas de preservação existentes e ser uma ponte entre realidades urbanase rurais. O Parque Estadual do Turvo é o último remanescente de Floresta Subtropical do AltoUruguai no Rio Grande do Sul. O local abriga também o maior salto longitudinal do mundo, oSalto de Yucumã, no Rio Uruguai, localizado no município de Derrubadas (RS). O uso dastecnologias multimídia não faz parte do cotidiano dos grupos sociais excluídos culturalmente,afastando a população dos centros de poder e colocando-os fora do fluxo de geração deinformação. Este trabalho é focado nos habitantes do município de Derrubadas (RS) e navalorização de suas manifestações culturais e ambientais. A região tem colonização alemã,italiana, portuguesa, espanhola e é também reduto de reservas indígenas no Estado. Estainiciativa visa estimular junto a população local (3.378 habitantes) atividades que resgatemvalores culturais tradicionais e despertem o sentimento da necessidade de preservaçãoambiental e propiciem a identificação social e cultural com o parque e o Salto do Yucumã. Aproposta une técnicas e práticas do Jornalismo e da Educação Ambiental como forma desomar e qualificar as ações desta população. Este projeto usa a metodologia de EducaçãoAmbiental para o desenvolvimento de iniciativas e ações ambientais junto a escola municipalSalto Grande somadas com atividades práticas de Jornalismo e registro audiovisual dasmanifestações culturais e ambientais da população do entorno do parque e ribeirinhos. Foielaborado um documentário, um banco de imagens e um mapa do discurso simbólico a partirdo discurso dos moradores do entorno do parque em relação a iniciativas de preservaçãoambiental e exploração sustentável do local. Entre as ações propostas se destacam: palestras,oficinas, multimídia, plantio de mudas, festival e diagnóstico dos problemas ambientais.Todas as atividades são gravadas e editadas em DVD. O material é exibido em reuniões com acomunidade e fará parte do acervo da biblioteca da Escola Municipal de Salto Grande e daUFSM. Atividades de educação ambiental recorrentes podem minimizar os efeitos dadestruição e mobilizar setores da sociedade para preservar o patrimônio cultural e natural daregião construindo um discurso local para um problema nacional. O projeto aproxima camposdistintos para trabalhar a preservação ambiental como um valor cultural a ser registrado erepassado as gerações futuras.
RIBEIRINHOS DO RIO URUGUAI vídeo
O projeto é uma iniciativa da RBS TV Santa Maria, visa sensibilizar e conscientizar a população regional quanto aos problemas ambientais e ressaltar a importância da mudança de hábitos para a preservação do planeta e da vida.
Projeto Pense Verde - Ar - Campanha RBS TV
 
Poluição ambiental, barulho e muita irritação. Para reduzir os problemas causados pelo excesso de carros nas ruas, uma campanha mundial lançada hoje, quer conscientizar os motoristas sobre as vantagens de andar a pé. Em Campo Grande, o transito parou em um dos trechos mais movimentados da cidade.Veja mais: www.msrecord.com.br
MS Record 1ª Edição - Campo Grande realiza Dia Sem Carro
-
sos hipopotamos colombianos 3prt.
Moradores revoltados com descaso ambiental segundo eles as casas construídas pelo governo para atender a demanda dos programas sociais, são projetadas para despejar esgoto dentro do igarapé ouricurí o problema acontece na área do bairro placas e o repórter adaílson oliveira foi lá conferir
Problemas Bairro Placas
Se plantean posibles soluciones al problema del hambre.También se analiza el surgimiento de nuevos oficios como los cazadores de semillas que trabajan con denuedo para buscar especies que puedan solucionar el problema del hambre
El Hambre: ¿problema ambiental fundamental para latinoamérica?
Vídeo produzido para I Oficina de Gestores Ambientais da Prefeitura Municipal de São Vicente (SP), baseado no vídeo Meio Ambiente: e EU com isso?, do Colégio COC Novomundo Praia Grande (SP)
Meio Ambiente? Não..Ambiente INTEIRO
 
LICEU - EXPOCRIATIVIDADE 2008 - Pilha um problema ambiental muito sério.
PILHAS
CDK saca a relucir el grave problema ambiental de las construcciones y recomienda se retire el propuesto Proyecto de permisos para hacer otro que no destrulla el ambiente. Recorded @ uStream.Tv
Ciudadanos Del Karso Proyecto de Ley de Permisos
Desde os anos sessenta moradores do Vale do Jequitinhonha, em Minas Gerais, se deslocam de suas cidades para trabalhar na colheita de cana-de-açúcar nas grandes fazendas do interior paulista. O boom dos bio-combustíveis aumenta ainda mais a necessidade dessa mão-de-obra sazonal e barata que, na maioria das vezes, trabalha sem condições de salubridade. O Caminho do Meio pretende se aproximar desses trabalhadores, e apontar as questões conflitantes que envolvem o agrobusiness e os problemas sócio-ambientais.Co-produção: André Amparo | Trade Produção e Comunicação | Rede Minas | ABEPEC - Associação Brasileira de Emissoras Públicas, Educativas e Culturais
DOCTV IV - O Caminho do Meio |MG - André Amparo autpr e diretor ...
Enquanto as baleias estiverem no mar de Imbituba, as obras de ampliação do cais do porto do município vão continuar embargadas, e pelo menos 500 empregados, sem trabalho. Os órgãos ambientais afirmaram que os serviços de estaqueamento dos alicerces do novo cais prejudicam a reprodução da espécie, em extinção. O problema é que segundo a prefeitura, depois dessa paralização, iniciada em junho, a perda na arrecadação do ISS, Imposto Sobre Serviço, já chega a mais de R$ 500 mil
Obras no porto de Imbituba permanecem paradas
Um grande projeto sempre dá asas à imaginação. Concebê-lo, desenvolvê-lo e implementá-lo é um desafio maravilhoso e a oportunidade de se criar soluções para problemas futuros, novos e antigos.Em Curitiba o projeto de sua primeira linha de metrô avança. Ótimo! A cidade está em franco crescimento, precisando ter, em uma década, um sistema de transporte coletivo adicional ao existente. A saturação na superfície é evidente e não vai parar de aumentar tão cedo. A terra, o chão que pisamos, poderá ser melhor utilizado, mais ainda quando se dá tanto destaque às questões ambientais (o ser humano ficou em segundo plano, efeito lêmingues ?).
Metrô futebol e Curitiba
 

Categorias